Blogagem Coletiva: Páscoa – Ovos na Decoração

Oi gente!!

Hoje vou compartilhar com vocês um post um pouco diferente. Eu e algumas meninas blogueiras nos juntamos para fazer uma blogagem coletiva. E o que é isso? São posts com a mesma temática, postados em um período específico, por todas essas blogueiras. Lógico, cada uma tratará do tema com a sua peculiaridade e especificidade, até para não sair do tema do seu blog, né? 🙂 Então preparem-se, uma vez por mês teremos um post desse por aqui. E claro, acessem o post das outras meninas também, para dar aquele help! 🙂

O tema deste mês, apesar de um tiquinho atrasado, é sobre páscoa! E mesmo que a data já tenha passado, há muitas coisas legais que essa data comemorativa pode nos inspirar. A decoração, por exemplo, pode pegar emprestado, deste tema, várias ideias! Pode-se trabalhar com o tema do chocolate nas cores, nos móveis ou, como no caso do post de hoje, com ovos de galinha na decoração. Já pensou nisso? Todo mundo tem em casa ovos, né gente? E o que você faz com a casca? Joga fora! Nessas ideais de decoração, não, você as reutiliza.

E é super simples e barato, você pode fazer algumas coisas: você pode pintá-los e deixá-los em algum “bowl” em cima da mesa de jantar, como objeto decorativo; você pode fazer vasinho de flores; você pode fazer suporte de velas, etc. Basta usar sua imaginação! E para deixar a casca limpinha para você reutilizá-la, você deve quebrar o ovo com cuidado, e não ao meio como às vezes fazemos: dê uma batidinha com uma colher em cima do ovo e retire os pedacinhos da casca “da tampa” com cuidado. Retire toda a gema e a clara do ovo, lave a casca com água e sabão e deixe secar. Pronto! ♥ Quer ver como fica legal?

decoração-ovo-9

decoração-ovo-7

decoração-ovo-4

montagem-decoração-ovo-3

decoração-ovo-2montagem-decoração-ovo-2decoração-ovo-10decoração-ovo-6

montagem-decoração-ovo

Vai dizer se não é uma fofurinha na decoração? Ovos de galinha podem ser mais úteis do que você pensava! 🙂

Visite também os blogs das outras meninas:

Sempre Fantástica | Maldito Setembro | Maricando | Manual da Diva | Dá Um Zoom | Expectativas Reais | Notável Leitura | Karine Pontes | Blog Leandra Dias | Falando Sobre Tudo | Beleza Mista | Quase Sem Querer

Um beijo, e bom feriado!

Para inspirar: Decoração para Apartamentos Pequenos

Oiii gente, mais uma semaninha a diante!

Hoje resolvi compartilhar com vocês algumas dicas para decoração em espaços pequenos, principalmente apartamentos (que estão mais para apertamentos, né? rsrs). Ano passado eu e o Pedro quase compramos um apartamento na planta. Ele tinha apenas 33 m², era super pequenininho: tinha um quarto, um banheiro uma sala e uma cozinha americana, dessas com bancada aberta. Acabou que não rolou a compra do apartamento, mas na época em que pensávamos em comprar, a minha maior preocupação era como decorar e mobiliar um apartamento tão pequeno. Precisa ser ninja, né?

Se você for procurar apartamentos novos ou na planta, a maioria é pequeno. Se você achar um apartamento de 70 m², ele já será considerado um apartamento grande. Engraçado, né? E como esses apartamentos pequenos (ou até kitnets ou studios) estão super em alta, resolvi compartilhar com vocês algumas inspirações na hora de decorar.

O site Casa Bem Feita deu 22 dicas para decorar espaços pequenos, e algumas delas são:

1. USE ESPELHOS: Espelhos aumentam o ambiente e o faz parecer mais espaçoso. Então abuse dessa dica! Se você for em qualquer apartamento decorado, tenha a certeza de que irá se deparar com espelhos pela casa toda, rsrs.

2. CORES CLARAS: Cores claras, assim como espelhos, dão sensação de amplitude ao ambiente

3. COMPARTIMENTOS SECRETOS: É sempre bom ter aqueles móveis que a gente simplesmente joga umas bugigangas dentro, né? Roupas de cama, edredons, então, nem se fale! O baú de uma cama box, por exemplo, é um excelente aliado!

Para ver as outras 19 dicas que eles deram, clique aqui! São super úteis e farão você otimizar o ambiente e deixar a decoração ainda mais bonita e funcional. Ter apartamentos pequenos não é sinônimo de pouco ou má decoração, né? Dá pra inovar e muito, veja só!

apartamento-decorado-de-forma-descontraida

dicas-decoração-ambientes-pequenos-7

dicas-decoração-ambientes-pequenos-9

dicas-decoração-ambientes-pequenos-5

dicas-decoração-ambientes-pequenos-8

dicas-decoração-ambientes-pequenos-4

dicas-decoração-ambientes-pequenos-3

dicas-decoração-ambientes-pequenos

dicas-decoração-ambientes-pequenos-2

dicas-decoração-ambientes-pequenos-6

Lindos, né? Abuse de prateleiras e, é claro, da sua imaginação. O mais importante é que o seu cantinho seja aconchegante e que tenha a ver com você! 🙂

Um beijo e até amanhã!

Falando Sobre: Cinderela

Hello! 🙂

Ontem, por fim, fui ao cinema assistir o filme em live-action da Cinderela! Desde que saíram os trailers, eu já fiquei com muita vontade de assistir, porque, afinal, sou uma fã dos contos de fada da Disney, gosto muito! Estava com expectativas bem altas para esse filme, principalmente pois seria lançado o novo curta-metragem de Frozen, haha, que, aliás, é foférrimo! Amo o Olaf, gente! ♥ Mas, deixando Frozen de lado, vamos às impressões do filme.

cinderella-filme-resenha

Cinderela conta a história que nós já conhecemos: uma garota que perdeu a mãe ainda quando criança e, depois de adulta, seu pai se casa novamente e ainda, de quebra, ganha duas irmãs postiças. Nada mudou. A história é a mesma, não temos grandes surpresas com relação ao roteiro e ao enredo. Após o pai de Ella (a Gata Borralheira aqui para os brazucas) morrer, Ella é tratada como servente pela madrasta e pelas duas irmãs excêntricas. Entretanto, Cinderela sempre manteve a promessa que fez à mãe em seu leito de morte: ser gentil e ter coragem. Por conta disso, Ella, mesmo em meio à opressão e humilhação que sofria em casa, continuava firme e forte na função. Em um momento de muita raiva, Ella sai para espairecer e cavalga pela floresta. Eis que Robb Stark Príncipe Kit aparece para salvá-la e ambos se encantam um com o outro, mas o príncipe fica sem saber quem Ella é, apenas que, provavelmente, é uma plebéia. Para encontrá-la novamente, Príncipe Kit organiza um baile real e convida todas as donzelas do reino (inclusive as do campo).

só eu achei Ella MUITO mais linda aqui do que quando se transformou pela fada madrinha?

só eu achei Ella MUITO mais linda aqui do que quando se transformou pela fada madrinha?

E aí, a história é a mesma. Ella tenta ir, a madrasta impede, Ella chora, a Madrinha aparece, faz um “bibbidi bobbibi doo”, Ella fica toda gata e vai para o baile. Kit se encanta com ela, novamente, mas às 0h00, Ella vai embora e perde o sapatinho. Tudo a mesma. O ponto alto do filme são os efeitos especiais e a fotografia. O filme é lindo de se ver, o cenário é incrível e o momento da mágica da fada madrinha (da Bellatrix Lestrange Helena Bonham Carter) é bem legal! Os ratinhos são outra fofura, estava louca para ver o Tata, e confesso que fiquei com vontade de ter ratinhos em casa. Quem nunca? Hahaha..

cinderella-filme-resenha-3

No mais, o filme é isso. É bonitinho, você se emociona, mas nada demais. Com esse novo movimento da Disney em trazer personagens femininas mais fortes e independentes, estava super animada para ver um final diferente em Cinderela. Queria ver uma Gata Borralheira empoderada, que não precisasse de um marido para sair de casa e ser feliz. Queria ver ela chutando as bundas da madrasta e das irmãs, e não ficar tão omissa em relação aos seus sofrimentos. Isso, para mim, foi uma falha grande do filme. O momento seria MUITO propício para um filme GIRL POWER. Afinal, não é só um casamento que faz com que uma mulher seja feliz, né? POR FAVOR! Isso foi o mais broxante do filme! De resto, Lily James (interpreta Cinderela) é maravilhosa! Ela e Cate Blanchett roubam a cena no filme. Lindíssimas! No mais, estou esperando ansiosamente para o lançamento live-action de Mulan. Aí sim, será lindo!

Você assistiu? O que achou? Conta aí nos comentários! 🙂

Beijitos e bom final de semana!

Dica de Viagem: Paraná – Morretes e Antonina

Oiii gente!

Faz um tempão que eu não dou tréguas ao meu coração que eu estou pensando em fazer um post desse para vocês, mas sempre postergo. E não, não sei o porquê. Mas hoje eu vim dar um dica super bacana para quem quer fugir de roteiros badalados: Morretes e Antonina, no Paraná. Ano passado, eu, Pedro e minha mãe fomos passar o Carnaval por lá, no Paraná, justamente porque queríamos fugir da muvuca e conhecer lugares bacanas. Morretes e Antonina são duas cidadezinhas paranaenses, a mais ou menos 2 horas de viagem de Curitiba e ambas são super pitorescas mas, ao mesmo tempo, super diferentes entre si.

Nosso roteiro foi o seguinte:

São Paulo – Curitiba (avião – mais ou menos 50 minutos, rapidinho!)

Aeroporto de Curitiba – Rodoviária de Curitiba (no aeroporto tem um ônibus que te leva à rodoviária e era algo em torno de R$ 6,00 por pessoa, se não me engano)

Rodoviária de Curitiba – Morretes (ônibus de viagem, acho que foi uns R$ 40,00 e duas horas de percurso)

Morretes – Antonina ida e volta (ônibus intermunicipal, super pertinho e barato)

E a volta por Morretes da mesma forma que a ida. A diferença foi que, na volta para a rodoviária, de Morretes, pegamos um ônibus turístico que passava pela famosa Estrada da Graciosa, que é super bonitinha, cheia de paisagem bonita e paralelepípedo e paradas para fotos.

Outra forma suuuper legal para ir de Curitiba à Morretes é ir de trem, que a paisagem é maravilhosa. Não o fizemos porque, como era Carnaval, não tínhamos muito tempo. Mas vale a dica. Essa foto abaixo é do percurso e tirada pela minha fotógrafa mamãe! Para saber mais sobre preços, clique aqui.

dicas-morretes-antonina-13

O que fazer em Morretes?

Morretes é uma cidade linda que tem a arquitetura toda preservada, com muita opção de artesanato. Por lá, é muito comum fazer esportes radicais ao ar livre. O ecoturismo é um ponto alto da cidade! Lá fizemos passeio de caiaque (+/- R$ 70,00 por pessoa e deve ter durado quase duas horas), trilha e cachoeira (mais ou menos R$ 50,00 reais) e bike turismo (durou umas duas horas e andamos por váários lugares em Morretes). Para quem gosta, eu super recomendo. Amei demais o passeio de caiaque, achei que fosse ser uma “pata”, mas até que não fiz o Pedro cair, rsrs. Morretes é lindo, a cidade é incrível e o Centro é super pitoresco, ótimo para ficar ouvindo música a tarde, comer alguma coisa na pracinha ou ficar sentado em frente ao rio que perpassa toda a cidade. Ahh, Morretes é conhecida, na gastronomia, especificamente pelo Barreado. O Pedro comeu e gostou, vale experimentar!

dicas-morretes-antonina

dicas-morretes-antonina-2

dicas-morretes-antonina-3

dicas-morretes-antonina-4dicas-morretes-antonina-9

dicas-morretes-antonina-11

dicas-morretes-antonina-12

O que fazer em Antonina?

Fizemos apenas um bate-volta para Antonina, mas a cidade é tão pitoresca quanto Morretes. Se você for na época de carnaval, Antonina tem desfile de escolas locais de samba e bloquinhos de rua. Então, se você curte uma folia, é para lá que você tem que ir. Lá em Antonina tem um Porto lindo (ótimo para tirar fotos, hehe) e alguns passeios de escuna para você passear pelo rio. Nós fizemos esse passeio e foi super barato, acho que R$ 10,00 por pessoa!

dicas-morretes-antonina-8

dicas-morretes-antonina-15

dicas-morretes-antonina-16

Fizemos uma viagenzinha super rápida e vale muito a pena! ♥

Plantando Suculentas e Cactos em Casa

Oiii gente!

Se tem uma coisa que eu amo, e que dão um toque super especial à casa são plantas! Confesso que não sou a mais jeitosa das pessoas para cuidar delas. Nunca sei se dou água de mais ou de menos, então o resultado são plantas afogadas ou mortas de tanta secura, hahaha. E eu encontrei a solução IDEAL para essa minha deficiência: Suculentas! Além de serem super gracinhas, mega charmosas, são excelentes para quem mora em ambientes fechados e pequenos. E, além de tudo, são extremamente fáceis de cuidar. Já fiz um post aqui no blog sobre Plantar em Rolhas, lembra? Não? Então clique aqui. Lá também são usadas suculentas do amor.

Se você deixá-las, por exemplo, expostas ao sol, as plantas suculentas ou os cactos aguentam até uns 15 dias sem água, mais ou menos. Louco, né? E se você deixá-las em ambiente coberto, as bonitas se seguram quase um mês sem serem regadas. Praticidade é o nome delas! Outra coisa bacana é que você não precisa ficar podando as plantinhas, tirando os raminhos que já morreram e tudo mais. Mesmo, porque, como são plantinhas gorduchinhas (cheias de água por dentro), se você cortá-las, vai parecer que você as decepou. E acho que não queremos esse aspecto em casa, né? Hihi.

No blog Jardim de Coração, a blogueira Alice compartilhou um guia completo de como cuidar de cactos. Então, se você pensa em tê-las na sua casinha, entre lá para aprender como adubar e outras coisas. Vale muito a pena! Quer ver como elas são lindas e dão um toque super especial, e verde, no seu cafofo? ♥

plantar-cactos-suculentas-5

montagem-plantar-cactos-suculentas-3

plantar-cactos-suculentas-2

plantar-cactos-suculentas-6

montagem-plantar-cactos-suculentas

montagem-plantar-cactos-suculentas-2

montagem-plantar-cactos-suculentas-4

Lindas, não são? Ótimas para pessoas relapsas e desastradas como eu.

Beijo!