Maratona Oscar 2016 – 8 filmes para ver!

Oi gentee!

Não vou nem falar que “quem é vivo sempre aparece” e que agora eu estou com a corda toda com o blog, porque vimos o que aconteceu das últimas vezes, não é mesmo? Masss, a intenção é essa, então vamos que vamos!

Para, enfim, voltarmos com tudo no Abilolando, nada melhor do que voltar com pautas de cinema, não é mesmo?

maratona-oscar-2016

O Oscar está aí, dia 28 de fevereiro acontecerá a entrega dos prêmios, e eu já estou na expectativa! Como sempre, o prêmio será televisionado pela TNT, que também transmite o Red Carpet, já para a gente ficar de olho nos atores/atrizes e nos vestidos MARAS da galera! Este ano, quem será o apresentador oficial é o Chris Rock, então já podemos esperar uma noite cheia de risadas (ou não, como foi com o Neil Patrick Harris.. what a disappointment)Infelizmente “Que Horas Ela Volta” não entrou para os indicados de “Melhor Filme Estrangeiro”, mas temos um representante tupiniquim nos Academy Awards: O Menino e o Mundo está concorrendo na categoria “Melhor Animação”, disputando com “Divertidamente”! No post de hoje, vamos fazer uma lista de “must see” dos filmes indicados na categoria “Melhor Filme” do Oscar 2016. Conforme eu for riscando algumas obras da listinha, vou linkando a resenha aqui. Então bora?

MAD MAX – A ESTRADA DA FÚRIA (ASSISTIDO)

O longa, lançado em maio de 2015, foi dirigido por George Miller e conta a história de Max (Tom Hardy), um guerreiro das estradas, após ser capturado por Immortan Joe, que vê no meio de uma guerra mortal, iniciada pela Imperatriz Furiosa (Charlize Theron MARAVILHOSA) na tentativa se salvar um grupo de garotas que eram prisioneiras do Joe. Mad Max foi indicado a 10 prêmios: Melhor Filme; Melhor Diretor; Melhor Figurino; Melhor Maquiagem e Penteado; Melhor Fotografia; Melhor Edição; Melhores Efeitos Visuais; Melhor Edição de Som. Clique aqui para ver a resenha AQUI no blog! Apenas: QUE FILME!


O REGRESSO

Dono do maior número de indicações de prêmios no Oscar em 2016, o longa será lançado em 4 de fevereiro nos cinemas do Brasil, e conta a história de um caçador de peles (Leonardo DiCaprio) atacado por um urso durante uma expedição. Ferido, dois homens do grupo decidem ficar para ajudá-lo, mas quando indígenas se aproximam, ambos o abandonam. O longa foi dirigido por Iñárritu, o mesmo diretor de Birdman, que levou os prêmios de melhor direção e melhor filme em 2015. Ou seja, o cara tá com tudo!
O Regresso foi indicado a 12 prêmios: Melhor Filme; Melhor Diretor (Iñárritu); Melhor Ator (Leonardo DiCaprio); Melhor Ator Coadjuvante (Tom Hardy); Melhor Figurino (O Regresso); Melhor Maquiagem e Penteado; Melhor Fotografia; Melhor Edição; Melhores Efeitos Visuais; Melhor Edição de Som; Mixagem de Som e Produção de Arte.


O QUARTO DE JACK

Com estreia prevista também para fevereiro de 2016, O Quarto de Jack conta a história sobre o amor sem limites entre mãe e filho. O pequeno Jack (Jacob Tremblay), de cinco anos, não conhece nada do mundo, exceto o quarto em que nasceu e cresceu acompanhado apenas por Ma (Brie Larson). Pelas críticas que tenho visto/lido, este filme está super bem contado, principalmente pela atuação da Brie Larson. É daqueles filmes que deixa a gente em prantos e incomodado. Quero muito assistir!
O Quarto de Jack concorre à estatueta em 4 prêmios: Melhor Filme; Melhor Diretor; Melhor Atriz e Melhor Roteiro Adaptado.


SPOTLIGHT – SEGREDOS REVELADOS

Lançado no início deste ano, o longa é baseado em fatos reais e mostra um grupo de jornalistas americanos, em Boston, que reúne documentos que são capazes de provar casos de abusos de crianças, praticados por padres católicos. Só na sinopse já percebemos que o filme toda em assuntos delicados e polêmicos. Além disso, conta com um elenco de peso: Michael Keaton, Rachel McAdams, Mark Ruffalo, Liev Schreiber, entre outros.
Spotlight foi indicado a 6 prêmios: Melhor Filme; Melhor Diretor; Melhor Ator Coadjuvante; Melhor Atriz Coadjuvante; Melhor Roteiro Original e Melhor Edição.


A GRANDE APOSTA

O longa também teve sua estreia no começo deste ano e conta a história de quatro homens, de fora do mercado financeiro, que perceberam de antemão o que os grandes bancos, a mídia e o governo não conseguiram prever: a crise econômica que abateu os Estados Unidos em 2008. Com investimentos ousados, eles acabam conhecendo o lado sombrio do sistema bancário moderno. A Grande Aposta conta com atores como Christian Bale, Steve Carrel, Brad Pitt e Ryan Gosling ♥.
A Grande Aposta concorre em 5 categorias: Melhor Filme; Melhor Diretor; Melhor Ator Coadjuvante; Melhor Roteiro Adaptado e Melhor Edição.


PONTE DOS ESPIÕES

O novo longa de Steven Spielberg, lançado em outubro de 2015, tem como foco central a história de James Donovan (Tom Hanks), um advogado especializado em seguros que aceita uma tarefa muito diferente do seu trabalho habitual: defender Rudolf Abel (Mark Rylance), um espião soviético capturado pelos americanos, isso tudo durante o período da Guerra Fria!
Ponte dos Espiões conta com 6 indicações ao Oscar: Melhor Filme; Melhor Ator Coadjuvante; Melhor Roteiro Original; Melhor Trilha Sonora; Mixagem de Som e Produção de Arte.


BROOKLYN

Com previsão de lançamento para fevereiro de 2016, o longa conta a história da irlandesa Ellis Lacey (Saoirse Ronan), que se muda de sua cidade para morar em Brooklyn (EUA), na tentativa de realizar seus sonhos. No ínicio de sua jornada, ela sente falta de sua casa, mas ela vai tentando se ajustar aos poucos até que conhece e se apaixona por Tony (Emory Cohen), um bombeiro italiano. E sim, Saoirse é a mesma atriz de “A Hospedeira”. Demos um up aqui ein, amiga?
Brooklyn está concorrendo ao Oscar em 3 prêmios: Melhor Filme; Melhor Atriz e Melhor Roteiro Adaptado


PERDIDO EM MARTE

Lançado em outubro de 2015, o novo longa dirigido por Ridley Scott conta com Matt Damon na principal atuação como o astronauta Mark Watney que foi enviado a uma missão em Marte. Após uma tempestade ele é dado como morto, abandonado pelos colegas e acorda sozinho no misterioso planeta com escassos suprimentos, sem saber como reencontrar os companheiros ou retornar à Terra. Mark consegue se comunicar com a Terra e começa a grande jornada de resgate! Já assisti ao filme, é incrível, falta só a resenha! Aguarde 🙂
Perdido em Marte foi indicado a 7 prêmios: Melhor Filme; Melhor Ator; Melhor Roteiro Adaptado; Melhores Efeitos Visuais; Melhor Edição de Som; Mixagem de Som e Produção de Arte.

 

Ufa!! Tem bastante filme para vermos pela frente, ein? Você já viu algum desses? Deixa aí nos comentários o que você achou, e quais são seus palpites para o Oscar 2016! Para ver a lista completa de indicados ao prêmio, clique aqui.

Beijos 🙂

4 Filmes do Quentin Tarantino: Para assistir!

Hoje, 27 de março, o Diretor, Produtor, Roteirista e Ator Quentin Tarantino completa 52 anos! Tarantino é o tipo de diretor que tem uma assinatura marcada (e facilmente reconhecida) nos filmes. Muito sangue, muito sarcasmo e muita polêmica. Tarantino é desses diretores que ou você ama ou você odeia, nada de ficar em cima do muro. E eu amo, sou fã!

tarantino

O cara é simplesmente genial e, por conta disso, já levou vários prêmios para casa, tanto de direção quanto de roteiros originais (que são inigualáveis, convenhamos). O primeiro filme que assisti do Tarantino foi Pulp Fiction, e confesso que fiquei um tanto confusa. Era adolescente e não entendi muito bem o raciocínio lógico dele e a linha de pensamento. Depois, quando assisti já mais velha, amei! Que filme foda! E foi assim com todos os outros que assisti dele, menos um, que falarei mais para frente. Já assistiu Tarantino? Esses são meus preferidos, por ordem de importância ❤

1) Django Livre (2012)

O longa conta a história Django, interpretado por Jamie Foxx, um escravo liberto cujo passado brutal com seus antigos proprietários leva-o ao encontro do caçador de recompensas alemão: Dr. King Schultz (maravilhoso e genial Christoph Waltz). A junção inesperada de um negro alforriado com o caçador de recompensas é fenomenal. Conta com um elenco excepcional: além dos dois (INCRÍVEIS), ainda tem Leonardo DiCaprio e Samuel L. Jackson impecáveis. Para assistir DJÁ. Meu favorito do Tarantino de todos os tempos.

2) Bastardos Inglórios (2009)

O filme é ambientado durante a 2ª Guerra Mundial, com a capital francesa ocupada por nazistas O tenente Aldo Raine, interpretado pelo lindo do Brad Pitt é o encarregado de reunir um pelotão de soldados de origem judaica, com o objetivo de exterminar alemães nazistas da maneira mais cruel possível. Outra personagem principal é Shosanna Dreyfuss (Mélanie Laurent), uma judia que assiste a execução de sua família pelas mãos do coronel e nazista Hans Landa (olha o Christoph Waltz aí de novo!). Shosanna abre um cinema francês e planeja matar todos os nazistas, em vingança à sua família. Maravilhoso, épico, o final é incrível. Quase aplaudi a tela da minha televisão!

3) Pulp Fiction (1994)

Pulp Fiction foi o longa que colocou Tarantino na calçada da fama, é um marco! O longa conta três histórias diferentes de maneira concomitante, e que relacionam entre si, a respeito de dois assassinos profissionais (John Travolta e Samuel L. Jackson), o seu chefe (um gangster conhecido) e sua esposa (Uma Thurman) e um pugilista que foi pago pelo gangster para perder uma luta (Bruce Willis). 

4) Cães de Aluguel (1992)

O filme que assisti mais recentemente de Tarantino. O Pedro ama, acha genial! Eu gostei muito do filme, mas acho que por já estar acostumada com a forma de dirigir de Tarantino, não fiquei pirada no filme. Mas é excelente! O filme conta a história de Joe Cabot, um experiente criminoso, que reuniu seis bandidos para um grande roubo de diamantes, mas estes seis homens não sabem nada um sobre os outros e cada um utiliza uma cor como codinome. Porém durante o assalto algo saiu errado, pois diversos policiais esperavam no local. O longa se passa, basicamente, em três locações, e por isso é considerado tão genial: pelo orçamento. Os diálogos são ótimos e a trilha sonora é primorosa. Para assistir!

Não sou muito fã de Kill Bill (tanto o volume 1, quanto o volume 2), mas ambos merecem ser assistidos. Porque, né, é Tarantino. E por isso já vale a ida ao cinema (ou ao Pirate Bay, no caso, rsrs). Eu gostei dos dois, mas não os amo quanto os outros. Um que eu, definitivamente, não gostei foi Um Drink no Inferno. Gente, não consigo nem achar cult, sabe? Aquele filme que é antigo e que de tão ruim, é bom? Não curti!

E você, curte Tarantino? Qual seu preferido?